Cartão_de_Crédito_Procura_Cresce_Negativados

setembro 7, 2022 in Cartão de Crédito

Escrito por José Sanchez

A procura por cartão de crédito para negativados aumentou 1.300% de acordo com estudo realizado pela plataforma Melhor Câmbio em parceria com a Agência Conversion.



ANÚNCIOS


Cartão para negativados

Quem tem algum tipo de restrição no nome enfrenta um grande problema: a dificuldade em conseguir crédito no mercado. E quando conseguem, normalmente tem que pagar uma taxa de juros ainda maior.

Afinal, um dos pontos que é analisado em uma concessão de crédito é o risco da operação. Nesse sentido, é avaliado o histórico de bom pagador. No entanto, nem sempre alguém que tem o nome sujo o fez por mal.

A pessoa pode ter perdido o emprego, emprestado o nome para algum parente, enfim, são muitos os fatores que levam alguém a passar por essa situação. E nos últimos anos vimos um crescimento acima da média na inadimplência.

CARTÃO PAGBANK
CARTÃO DE CRÉDITO

CARTÃO PAGBANK

SEM ANUIDADE
 
FÁCIL ACEITAÇÃO
Todo dinheiro investido em CDB vira limite do Cartão!
Você permanecerá no site atual

Procura por cartão de crédito para negativados

Só para ter uma ideia, segundo o estudo “Tendências de busca para Cartão de Crédito” feito pela plataforma Melhor Câmbio em parceria com a Agência Conversion, nos últimos 12 meses o termo “cartão de crédito para negativado aprovado na hora” cresceu 1300%.

O estudo levou em consideração a análise de 32,7 milhões de consultas no Google entre os meses de junho de 2021 e maio de 2022. O levantamento mostra as principais questões relacionadas à oferta de cartão de crédito no país.

De acordo com Alexandre Monteiro, executivo do Melhor Câmbio, um dos motivos para o aumento na procura é que mesmo endividadas, as famílias precisam do crédito para recuperar o seu poder aquisitivo.

Ainda mais em um cenário econômico onde a pressão inflacionária impacta no bolso de grande parte dos consumidores que não tem como comprar um item mais caro à vista. Ou seja, o cartão é necessário para o parcelamento do crédito.


Leia também:


Aumento no número de famílias endividadas

Uma pesquisa recente feita pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), mostrou recentemente que o percentual de famílias endividadas cresceu 78% em julho deste ano.

Em convergência com essa pesquisa, o estudo do Melhor Câmbio aponta para a necessidade de se repensar a maneira como são oferecidos os cartões de crédito no Brasil. Quem está endividado não tem tempo de esperar.

Um outro termo que também ganhou relevância ultimamente foi “Fazer pix com cartão de crédito”. Houve um crescimento de 550% na busca por esses termos. Além dele também cresceu a busca por “cartão de crédito com limite na hora” no mesmo percentual.

Vale destacar que no Brasil existem cartões de crédito voltados exclusivamente para negativados. Entretanto, a grande maioria só está disponível para funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS.

Para esse público há muita oferta no mercado, uma vez que o risco do não pagamento é muito baixo, pois o valor mínimo da fatura do cartão é descontado diretamente da folha de pagamento de quem está solicitando.

Educação financeira como base da sociedade

A oferta do crédito por si só não basta para solucionar o problema de quem está endividado. É preciso que as instituições financeiras sejam mais atuantes na educação financeira, criando mecanismos de orientação no uso consciente do crédito.

Até porque, pensar em cartão de crédito para negativado é um desafio para as instituições, justamente pelo tamanho do risco que essa operação traz. Entretanto, se acompanhada de um processo de educação junto, os riscos são minimizados.

Nesse sentido, as instituições devem dar um passo além e criar programas de conquistas de crédito, com aumento gradativo no limite do cartão e orientações inteligentes para que a pessoa não se endivide no futuro.

Gostou deste artigo? Então compartilhe com todos os seus amigos e parentes nas suas redes sociais e nos ajude a espalhar a informação.

Você também pode gostar... aproveite e leia também! :)

Ainda não conseguiu seu cartão? Nós te ajudamos!

>